Xô, olheira inconveniente!

Taí um assunto que interessa 90% das mulheres: as tão indesejadas olheiras. Em algumas só aparecem depois de uma noite mal dormida ou um dia desgastante, um fim de semana bem passado… Começar a semana com cara de “fim de balada” não é nada bom e não ajuda em nada e com tantos produtos no mercado, não tem desculpas para chegar ao trabalho, à reunião ou ao evento com as indesejáveis manchas roxas.

Eu não sou maquiadora, mas tenho um bebê em casa e por isso, às vezes, infelizmente acontece. O meu truque é simples e fácil. Só precisa de corretivo (concealer) e um pouquinho de disposição. Aproveito que já dar um jeitinho nas olheiras e dou uma jeitinho na pele também. Passo um bom BB ou CC Cream e, em seguida, o concealer  na zona das olheiras com suaves toques e sem esfregar e finalizo com um pó compacto para dar um look mais natural. E pronto! Se ainda não encontrou um concealer para chamar de seu, há cada vez mais diferentes modelos no mercado voltados especificamente para o tipo de pele e tipo de necessidades de correções diferentes… 

Concealers

*Concealer Tom Ford; M·A·C ‘Pro Longwear’ Concealer €14; Stila Perfect Correct Foundation €36; Estée Lauder Double Wear Brush On Glow BB Concealer, Extra Light Neutral €28; NARS Radiant Creamy Concealer €21; Shiseido Sheer Eye Zone Corrector, 104 Naural Ochre €28; Lancome Le Corrector Pro Concealer Kit Made to Measure Concealer €27; Pro-Palette Correct & Conceal €29; Marc Jacobs Beauty Re(Marc)able Full Cover Concealer €23.

Entretanto, há pessoas que recebem essas tão inconvenientes olheiras por herança genética. Pois é, minha amiga, tanta coisa para herdar, e olheira realmente, não é uma das melhores… Mas considerando que é algo que infelizmente não optamos, o que fazer então para que, ao longo do dia, não fiquemos com aquele típico olhar de panda? Graças ao avanço da medicina você já pode trata-las e deixar de virar escrava do corretivo.

Se você já não aguenta mais viver cobrindo e retocando as suas, a minha querida amiga e dermatologista, Dra. Juliana Carnevale, explica que “antes de mais nada é importante saber que as olheiras possuem inúmeras causas e que, por conta disso, o tratamento pode tornar-se difícil, porém não impossível.  A pele fina e altamente vascularizada, há vasos frágeis que podem proporcionar o vazamento de hemoglobina – as sombras infra orbitais ocorrem pelo acúmulo de hemoglobina e à coloração de seus produtos de degradação (biliverdina, bilirrubina e ferro) na derme e epiderme. Há também o componente por deposição dérmica de melanina (fatores como a exposição solar podem levar a maior produção de melanina e seu depósito na derme) , ou ainda, o componente secundário, a dermatite de contato ou atópica levando a hiperpigmentação pós inflamatória (pelo inchaço e fricção causa uma irritação e posterior hipercromia). Escurecimento decorrente de flacidez e excesso de pele, insônia e cansaço persistente também podem ser um dos fatores de causa das suas olheiras. Dentre os tratamentos podemos citar a luz pulsada, peelings, laser fracionado, uso de produtos específico para esta região em casa e preenchimento com ácido hialurônico. Todos são muito eficazes quando usados especificamente a cada caso”.

Por isso, minha querida, chega de sair de casa 1 kg mais pesada de tanto corretivo, base a afins, ok?

Se esse é o seu caso, procure já um bom dermatologista e livre-se desse problema!