Who run the world? GIRLS!

Bem, parece que a maravilhosa Beyoncé (sou suspeita, pois sou fã!) está a inspirar mais do que, nós, mulheres. Aparentemente, o grito de liberdade feminista e o lema “Yes, we can do it!” não só foi ouvido por Karl Lagerfeld, como também lhe serviu de inspiração em suas criações para a temporada de SS 2015. O kaiser da moda provou mais uma vez que além de estar super atento aos assuntos ao seu redor, que o seu afiado senso de oportunidade está longe de falhar…

Inspirado pela onda feminista que tem pautado ultimamente as conversas dentro e fora das redes sociais, Karl abordou também o tema, mas diferentemente dos demais, não direcionou a mensagem aos homens. Levou para a passarela um manifesto para afirmar que “sim, uma mulher pode ser feminista e fashionista ao mesmo tempo”, numa tentativa de quebrar o “pré-conceito” entre as próprias mulheres e provar que uma mulher pode ser bem sucedida e respeitada no “mundo dos homens”, sem deixar de seguir as tendências de moda.

Além dos cartazes que tomaram conta da passarela ao final do desfile, palavras de ordem invadiram os acessórios da coleção, e frases de efeito, como “Feminista, mas feminina”, “Faça moda não faça guerra” e “Vote Coco”, foram colocadas nas malas e clutches  da nova coleção que, nesta temporada, em sua maioria, estão em tamanhos reduzidos, com alças de corrente e mais estruturadas. 

chanel-clp-rs15-0190  Chanel-Spring-2015-Bags-12  Chanel-Spring-2015-Bags-17  Chanel-Spring-2015-Bags-21  Chanel-Spring-2015-Bags-14

Mais do que novas it bags, uma lição para muitas de nós a aprender… 😉