Back to black, the passionate color

Com tanta cor existente na paleta, ainda há quem não entenda porque todo fashionista é apaixonado pelo preto. Bem, eu explico.

Muito antes da linda Audrey Hepburn popularizar o icónico Little Black Dress de Givenchy em “Breakfast at Tiffany’s” nos anos 60, a longa história de amor entre o preto e a moda começou no século XV quando os tecidos ainda eram tingidos somente de forma artesanal e, o preto por ser o mais difícil de se conseguir e de manter, era o look statement. Naquela época, ostentar preto head-to-feet era sinônimo de riqueza e poder – o que não mudou muito, visto que ainda hoje é considerado a mais chic das cores.

Luxuria à parte, a verdade é que o preto é aquela cor que agrada, combina e facilita a nossa vida. Do dia à noite, do trabalho à festa, do verão ao inverno, com preto, ninguém nunca se compromete. É tão certeira que, é a única cor que podemos arriscar usar num look total, a qualquer momento, independentemente das tendências, que vai estar sempre elegante e atual.

Com tantos predicados, como não se apaixonar por ela?

Andreza_4-12Andreza_4-11Andreza_4-5

Vestido Animale (QueensLife Boutique) e sandálias Gina